Memória dos Índios Wajãpi

O Ministério da Cultura e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan/MinC) inauguraram nesta terça, 1º de setembro, o Centro de Formação e Documentação Wajãpi (CFDW), no posto Aramirã, entre os municípios de Pedra Branca do Amapari e Laranjal do Jarí, no Amapá.

Erguida em plena Terra Indígena dos Wajãpi, a casa abrigará fotografias, filmes, DVDs e documentos sobre essa etnia, que é composta por cerca de 900 indígenas que habitam a região oeste do Amapá. O centro é mais uma unidade do Pontão de Cultura Arte e Vida dos Povos Indígenas do Amapá e Norte do Pará, mantida pelo Instituto de Pesquisa e Formação em Educação Indígena (Iepé) e pelo Conselho das Aldeias Wajãpi (Apina). A outra unidade fica na capital Macapá.

O novo centro também será um espaço para a realização de oficinas, cursos e reuniões. A responsabilidade pela manutenção e uso do CFDW será dos pesquisadores Wajãpi e dos membros da diretoria do Apina. A ideia é também reproduzir documentos e registros audiovisuais dos Wajãpi e os distribuir para as aldeias. Com isso, mantém-se vivo o interesse dos jovens indígenas por sua cultura e também os prepara para transmitir conhecimentos sobre as práticas locais. No centro, os Wajãpi terão acesso ainda aos resultados das pesquisas realizadas junto ao grupo e a documentos sobre outros povos indígenas do Brasil e do mundo.

Os Wajãpi ocupam, basicamente, as regiões do Pará, Amapá e da Guiana Francesa. Possuem uma vida cerimonial intensa, marcada por grandes ciclos de rituais como a festa do milho – realizada no inverno, a festa do mel e as danças dos peixes. A arte gráfica do Wajãpi do Amapá foi reconhecida como patrimônio da humanidade pela Unesco e registrada como bem imaterial pelo Iphan em 2002.

A linguagem gráfica destes indígenas é denominada kusiwa e sintetiza seu modo particular de conhecer, conceber e agir sobre o universo. Servem como uma forma de comunicação e interação entre eles e estão presentes nos corpos e também em artesanatos e cestaria.

Informações da Assessoria de Comunicação Iphan/Minc

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>